Skip to content

Da série “Se eu fosse ambientalista”

06/11/2009

serie-muv

“Não me importava de nunca mais usar um saco de plástico na vida”  Rosa Pomar

Não usar sacos de plástico de todo pode ser difícil mas reduzir a sua utilização não. Uma das medidas passa por taxar os sacos nos hipermercados. Aliás, Rosa Pomar já deu a cara pela causa ao fazer uma petição nesse sentido.

Apesar de ainda não haver legislação sobre o assunto alguns hipermercados cobram os sacos de plástico e os resultados falam por si: O Pingo Doce, por exemplo, quando passou a distribuir sacos mais resistentes e reutilizáveis e a cobrar 2 cêntimos por cada um, consegiu uma redução de 60 por cento no consumo de sacos plásticos.  Segundo informações reveladas pela empresa essa redução traduziu-se numa diminuição de mais de 400 toneladas de resíduos plásticos depositadas em aterro, menos 950 toneladas de dióxido de carbono emitidas para a atmosfera, e menos 750 toneladas de petróleo e gás natural gastas.

Advertisements
One Comment leave one →
  1. xanaleandro permalink
    06/11/2009 18:38

    A medida da Jerónimo Martins (Pingo Doce e Feira Nova) foi corajosa e ainda bem que dizes que está a ter resultados. Esse pequeno gesto – levar sacos para as compras – não é nada custoso para ninguém. Só mesmo a inércia de ter sempre sacos de plástico de borla é que impede todos de o fazermos. E há sacos reutilizáveis para todos os gostos: http://www.reusablebags.com/store/reisenthel-c-76.html?osCsid=bbcd8bfcd656f5bc7507a98bb3539b16.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: